Seu filho é novo demais para conhecer a Disney?

0 Flares 0 Flares ×

Qual é a idade certa para viajar a Disney?

Uma das perguntas mais comuns que temos é: “Qual é a idade certa para ir para Disney?”.

Essa é uma questão difícil e causa muita controvérsia…não gostaria de ofender as pessoas que discordam (talvez isso aconteça durante esse post), pois o que cada pessoa acha depende de suas circunstâncias. Além disso, nossa opinião pode muito bem mudar quando estivermos falando de nossos próprios filhos…se identificou?

O objetivo de cada família é diferente ao levar seus filhos à Disney. Para muitos pais que levam seus filhos bem pequenos, a experiência não será para as crianças (talvez elas nem lembrem), mas para os pais. Para eles, não há maior alegria do que observar o rostinho iluminado de seus filhos tocando o Bisonho pela primeira vez (fofo!!), ou tirando a primeira foto em frente ao Castelo da Cinderela (é de chorar!). Hoje, eu diria que se você não quer aborrecimentos, não leve uma criança de um aninho de idade para a Disney, mas eu poderia muito bem mudar de ideia se eu tivesse um bebê de um ano e quisesse ter essas lembranças hahahahaha – tenho que ser sincera!

Meu único conselho: não deixe que outras pessoas falem sobre quando é certo vocês fazerem a primeira viagem com seu filho ou filha, principalmente se você já estiver decidido, planejado, economizado.

Se você acha que é melhor esperar até que as crianças tenham idade suficiente para andar, espere. Se você quiser levá-los assim que for seguro (os especialistas aconselham limitar a exposição de um recém-nascido para grandes grupos de pessoas para que elas não fiquem doentes, eles são o único grupo que descarto categoricamente como sendo “a idade errada”), você que decide.

crianças pequenas na disney

Independentemente de quando for a primeira viagem, é preciso prepará-los, ou seja, desenvolver a emoção dos pequenos e ajudá-los a entender o que eles verão.

Assim que reservar a viagem, comece a ler histórias da Disney, a ver filmes, etc. O passeio Dumbo é muito mais interessante depois de ter visto o filme; pesquise sobre as atrações que irá encontrar nos parques e comece a expor as crianças a esses personagens, com certeza a experiência será mi, vezes melhor e mais emocionante.

Sobre a época do ano para viajar com os pequenos: Se possível, não vá nas férias escolares dos EUA, que começam no início de Junho até o final de Agosto. Se você tem filhos com 10 anos ou menos, evite as situações de pico como desfiles muito concorridos, show de fogos, etc. Por exemplo, se você estiver com seus filhos na Main Street USA ou na Praça Central do Magic Kingdom durante os fogos de artifício no Natal vai ficar preocupado o tempo todo com a sensação de que seus filhos poderão desaparecer no meio da multidão, e bota multidão nisso!

Leia mais sobre as 5 piores  datas para conhecer  a Disney

 

Onde ficar com seus pequenos na Disney

Fique em um hotel que não esteja muito longe de tudo, leia-se Celebration, alguns locais de Kissimmee – use e abuse do Google Maps!

Ficar em hotéis da Disney pode ser uma boa opção principalmente se você pretende priorizar as parques da própria Disney e deixar os demais para uma próxima visita! O hotel de luxo mais barato é o Disney Port Orleans Resort – French Quarter, porém não é muito econômico….se pretende economizar escolha os “value resorts” All Star da Disney:

As crianças amam o Disney’s Pop Century Resort, Lake Buena Vista, lá elas encontram mesas de ping-pong, jogo Twister e um filme da Disney todas as noites à beira da piscina principal, o all star Movies também faz muito sucesso pois as crianças vão se deparar com seus personagens favoritos espalhados pelo hotel, em esculturas gigantes.

O Disney’s Animal Kingdom Lodge, Lake Buena Vista é mais procurado por famílias, as crianças que estão aprendendo o nome dos animais ficam fascinadas ao ver aqueles animais que antes só viam nos livros – praticamente um zoológico! O ideal é passear 2 dias no parque e depois descansar 1 dia, passear mais 2 dias e descansar outro – para não cansar as crianças, principalmente se forem bem novinhas.
Hoteis economico dentreo da Disney

Muita gente insiste em ficar em hotéis dentro da Disney a qualquer custo, mas isso não é necessariamente uma grande vantagem, vai depender muito do seu orçamento e tipo de viagem. Se estiver viajando com mais gente considere um resort ou alugar uma casa, comodidades como a cozinha completa geralmente atraem quem viaja com crianças pequenas – neste caso alugar um carro é imprescindível.

Vale lembrar que os parques da Disney se concentram em uma região mais próxima de Kissimmee, já os parques da Universal ficam bem no centro da parte turística de Orlando, próximo a International Drive – ou seja, ficar em hotéis perto “dos parques” é relativo.

Onde Comer com crianças pequenas na Disney

Alguns restaurantes são mais divertidos para as crianças, ou seja, restaurantes interessantes e com temas infantis amigáveis. O Sci-Fi Dine-In Theater está no topo desta lista, dentro do Hollywood Studios, é imperdível!

Eu ainda me lembro de comer lá quando era criança, e vou lá até hoje, faço questão de indicar para todos que me perguntam indicações de restaurantes acessíveis dentro dos parques. Você come literalmente dentro de um carro, imitando os famosos drive-inns dos anos 50, o céu é estrelado e você pode assistir desenhos antigos em um telão enooooorme.

restaurante dentro dos parques da disney

Há alguns lugares que não recomendo jantar com as crianças. Tento evitar restaurantes que cobram U$ 10/pessoa se cancelar a reserva, especialmente no jantar. Isso só é cobrado se você não cancelar a reserva, com pelo menos 48 horas de antecedência. A razão pela qual não recomendo estes restaurantes é porque você não vai saber até o dia se as crianças estarão dispostas para ir ao restaurante depois de um longo dia no parque, e quando não dá certo ou você tem que cancelar e pagar a taxa, ou ir jantar com seus filhos mal humorados porque estão muito cansados.

Infelizmente, em alguns casos, fazer reservas em restaurantes que cobram esta taxa pode parecer inevitável. Restaurantes mais populares como Chef Mickey e o Crystal Palace estão abertos para o concorrido café da manhã com personagens, horário em que é mais fácil prever como estarão as crianças rsrsrs. Tomar um característico café da manhã no Crystal Palace dentro do Magic Kingdom significa entrar no reino mágico antes dos convidados (isso se você conseguir reservar no primeiro horário, assim que abrir), pode ser uma experiência muito especial para as crianças!

Quanto aos restaurantes com serviço de balcão que são os estilo fast food, a maioria dos lugares no Walt Disney World tem opções bem comuns para as crianças. A parte dos países no World Showcase no Epcot é uma notável exceção disso, assim como é o Be Our Guest Restaurant no Magic Kingdom. Dizem que o cardápio do Be Our Guest é um pouco mais requintado, mas eu não vejo muito assim…fora que o ambiente por si só é espetacular, todo inspirado no castelo do filme A Bela e a Fera, vale muito à pena!

A dica para as refeições é de ir cedo para evitar as multidões, essa é uma dica que dou para todos, mas é especialmente importante se estiver com crianças pequenas. Alguns restaurantes lotam em torno do meio-dia, e é missão impossível encontrar uma mesa. O horário de abertura dos restaurantes varia muito, mas a maioria começa a servir o almoço às 10:30 ou 11:00.

 

Atrações para os pequenos na Disney

A recomendação aqui é não levar as crianças em passeios que não estão prontas para experimentar (dãããã), parece óbvio, sim eu sei.

Como você pode saber se elas estão ou não prontas? Bem, a melhor maneira é ver como reagem ou o que dizem quando se aproximam de uma atração. Muitas crianças ficam com medo quando veem de o Haunted Mansion (A casa mal assombrada no Magic Kingdom), não é porque você acha o fantasma divertido que os seus filhos irão achar isso também (infelizmente). Para eles, fantasma é fantasma, e fantasmas são todos igualmente assustadores.

Fantasmas da Mansão mal assombrada no Magic Kingdom

Você também pode achar que eles estão com medo de coisas que não tem muito sentido. Por exemplo, talvez estejam relutantes em ir no “The Many Adventures of Winnie the Pooh”(As aventuras do Ursinho Puff no Magic Kingdom), mas não será legal você forçá-los. Os pequenos não poderão andar em algumas atrações devido à altura, a restrição de altura para grande parte das atrações da Disney é de 1,00m de altura.

Mas lembre-se, mesmo que a criança tenha altura suficiente, não quer dizer que ela vá se divertir nesse brinquedo ou atração.

Sempre que estou na Disney vejo os pais tentando convencer seus filhos a “serem corajosos” e que devem ir em uma atração especial XPTO. Acredito que isso aconteça porque ir para a Disney sai caro, nunca sabemos quando vamos poder levar nossos filhos para lá novamente, eu super entendo!

Mas se a atração vai traumatizar seu filho e deixá-lo nervoso, os pais não ganham nada forçando a “ser corajoso”, suas lembranças se formarão em torno dessas experiências negativas, e eles terão problemas pelo resto do dia ou pelo resto da viagem-  blééééé. Então, para quê forçar os pequeninos?

As justificativas das crianças do por que eles querem fazer ou não querem fazer tal coisa confunde até mesmo os astronautas (que supostamente sabem de tudo hahahaha), então não há nenhum sentido tentar raciocinar com eles sobre experimentar uma atração X ou um brinquedo Y. Minha sugestão: Não leve seu filhote onde ele não esteja pronto para ir.

É claro que você conhece melhor seus filhos do que um guia escrito por um estranho que nem sabe quem eles são (vulgo = eu), e é bem provável que no início eles tenham um pouco de receio, mas depois de ir ao primeiro brinquedo a chance é que qualquer vestígio de medo suma e eles embarquem no maravilhoso Mundo da Disney.

Agora, quais atrações são melhores para cada criança,impossível responder. Vimos que as crianças simplesmente gostam ou não gostam de algumas atrações da Disney e qualquer lista que fizerem por  aí será baseada nas crianças que o autor considerou de sua experiência particular,  e  não uma verdade  universal.

Para se ter uma ideia do que os seus filhos podem gostar com antecedência, recomendo assistir vídeos das atrações no YouTube; basta procurar o nome da atração + nome  do  parque e você vai encontrar muitos resultados, você pode até mostrar para seus filhos para ver a reação deles.

encontro com personagens de frozen na disney

Encontro com personagens de Frozen na Disney

Também é importante lembrar que, para as crianças, o encontro com personagens (meet & greet) pode ser uma parte importante da experiência, e normalmente é!

Fazer uma refeição com personagens pode ser uma ótima maneira de conhecer vários personagens sem esperar na fila, mas lembre-se que neste caso você precisa reservar com antecedência e separar um valor $$$ para isso (essas refeições com personagens nunca são baratas!)

Se preferir economizar uns dólares, os encontros com os personagens no “meet & greet” estão disponíveis em todos os parques da Disney, basta olhar no seu mapa os horários e locais de aparição dos seus personagens favoritos.

Uma boa estratégia é esperar na fila para o Epcot Character Spot, um local coberto com ar condicionado e que você encontra vários personagens em só local – perfeito!

 

Plano de Ataque – Disney com crianças pequenas

Enfrentar o Walt Disney World com as crianças é muito mais fácil se você acordar cedo e chegar aos parques antes de abrir, o ideal é chegar de 15 a 30 minutos antes do horário de abertura oficial.

Não tente ter planos rigorosos se você tem filhos pequenos, o mais importante é manter a tranquilidade. As crianças têm seu próprio ritmo e forçá-la não ajudará em nada, geralmente quem determina o ritmo do passeio é o filho mais novo.

Além de chegar cedo e ter um rascunho do plano para o dia, você também deve utilizar sistema fura filas da Disney, o FastPass, que permite voltar a uma atração em um momento mais oportuno e ignorar a maior parte das filas em atrações selecionadas – já falamos bastante sobre o FastPass aqui no blog. child swap nos parques da Disney

Outra opção de economia de tempo e essencial para quem tem filhos pequenos é o “Child Swap”: este passe permite que um adulto possa ir ao brinquedo, enquanto que o outro (ou grupo de pessoas) espera em uma área reservada, com a(s) criança(s) que tem restrição de altura. Quando o pai que está no brinquedo tiver terminado, os que estiverem esperando poderão usar o bilhete como se fosse um FastPass. Esse bilhete pode ser usado por até três pessoas, quando se tratar de grupo, e já que três pessoas podem usar o passe, os seus filhos que tiverem o limite mínimo de altura podem ir duas vezes à atração, uma vez com o pai e outra vez com mãe (#ficaadica).

O Child Swap foi uma solução dos parques para pais que viajam com filhos pequenos, mas que querem curtir as atrações e não tem outro familiar para deixar a criança; ou então para pais que viajam com mais de uma criança, e apenas uma delas não tem o limite de altura mínimo e ambos os pais desejam ir ao brinquedo.

Se você tem disponibilidade, uma pausa para o almoço fora do parque pode ser uma boa opção! Além de ser o horário mais quente do dia, os restaurantes ficam bem cheios, dar uma descansada no meio do dia vai deixar a família revigorada para voltar par ao parque a tarde.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

Responder

Não seja tímido: Fale, Comente, Pergunte ºoº