Como levar dinheiro para suas viagens?

0 Flares 0 Flares ×

Dinheiro, Cartões, Traveller Checks…O que é melhor?

O ideal é sempre levar um pouco em dinheiro, cerca de US $50,00 dólares por dia para alimentação e despesas básicas. O restante você pode escolher entre levar em espécie, cartão pré pago internacional, traveller check ou cartão de crédito.

Dólares

No caso de dinheiro vivo, compre notas de diferentes valores. Prefira mais notas de valores menores (US$ 5, 10, 20, 50), pois notas de US$ 100 são menos aceitas devido à falsificação. Os americanos utilizam muitas moedas como troco, por isso, além de carregar sempre um porta-moedas com você, procure usar as notas maiores para compras de alto valor.

A principal desvantagem do dinheiro em espécie  é a insegurança. Se por acaso você for roubado ou perder o dinheiro você dançou!
Por isso sempre aconselho que você leve mais de uma opção de meio de pagamento como cartão de crédito, débito, cartão Travel  Money pré-pago ou traveller check.

Se você costuma se planejar para viajar com antecedência, vá comprando um pouquinho por mês até a data da viagem. Aproveite meses em que o dólar estiver em baixa e tire proveito da flutuação cambial.

 

travel_money_card

Traveller-Checks

O traveller-checks, ou cheque de viagens, é uma forma prática e segura de levar dinheiro em viagens internacionais, é muito aceito nos EUA principalmente em cidades turísticas como Orlando e região (nunca aconteceu comigo de não aceitarem o traveller check).
O cheque possui dois campos para assinatura: a primeira você assina no momento da compra do talão, e a outra  no pagamento das suas compras. Nunca assine o espaço destinado para pagamento da compra antes.

O ideal é comprar notas de US$ 50 e US$ 100.  A principal vantagem é a segurança: eles possuem seguro contra roubo, perda ou extravio que permite o reembolso em até 24 horas, por isso não deixe de separar e guardar os recibos dos seus travellers.

Uma outra sugestão é deixar sempre uma cópia dos números de série no cofre do hotel e outra cópia com você, pois dessa forma você risca os números que utilizar, garantindo a segurança e controle dos gastos. Nunca compre travellers de US$ 500,00 pois há dificuldade para trocá-los.
Apesar de seu uma opção bastante segura, os traveller-checks perderam seu espaço no mercado para os cartões de crédito e pré pagos devido principalmente a praticidade dos cartões.

Cartão Travel Money (pré-pago)

Outra forma segura de levar dinheiro na viagem é o Travel Money, que funciona como um cartão pré-pago, com chip, recarregável e protegido por senha, podendo ser utilizado em compras e saques.
Depois que o IOF  (Imposto sobre Operações Financeiras) para compras realizadas por cartões de crédito passou a ser de 6,38%  esse tipo de produto passou a ser uma ótima opção!

Atualização: infelizmente o IOF alto também vale para os cartões pré pagos de viagem :(
Eles ainda são opções seguras, mas como o cartão de crédito possui acumular pontos e milhas, passou a ser uma opção mais interessante.

Na hora da aquisição você o carrega com o valor que preferir e pode gastar em qualquer estabelecimento que aceite a bandeira do cartão, isso permite um controle maior sobre os seus gastos. Além disso, pode ser recarregado quantas vezes quiser (mesmo a distância) e você pode solicitar 2 cartões adicionais para acessar o mesmo saldo – ideal para as crianças/adolescentes.

Mais vantagens: você pode sacar dinheiro em qualquer caixa  (sujeito a taxas), verificar o saldo e os gastos com o cartão pela internet, contando com a mesma segurança em caso de perda ou roubo.  Outra facilidade que ajuda muito é a central de atendimento grátis 24 horas em português e a reposição do cartão em caso de perda ou roubo.

Caso deseje adquiri seu cartão Travel Money (ou fazer uma cotação para compra de moeda ou traveller-checks) recomendamos um parceiro que sempre nos atende e o melhor: você pode comprar online e eles entregam seu cartão Travel Money em qualquer lugar do Brasil! Conheça a Flex Câmbio.

Cartões de Crédito

Caso possua um cartão de crédito internacional não esqueça de avisar a instituição sobre sua viagem: você deverá ligar para o banco/bandeira e liberar o uso do seu cartão no exterior, em alguns casos é possível realizar essa liberação através do Internet Banking.

Lembrando que o IOF  (Imposto sobre Operações Financeiras) para compras no exterior é de 6,38%, mas a vantagem, na minha opinião, é poder gastar mais do que o planejado (o que sempre acontece comigo) e os pontos que você acumula para trocar por milhagem nas cias aéreas.

 

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

5 Comentários - Quero comentar!

Responder

Não seja tímido: Fale, Comente, Pergunte ºoº